Utilização não autorizada de mensagens automáticas ou em massa no WhatsApp

O WhatsApp é uma plataforma de mensagens privada criada originalmente para ajudar as pessoas a enviarem mensagens a familiares e amigos. Ao longo do tempo temos assistido ao quanto as pessoas valorizam as mensagens com empresas, pelo que criámos duas ferramentas – a aplicação WhatsApp Business e a plataforma do WhatsApp Business – para ajudar as empresas a gerirem as interações com os clientes. Os nossos produtos não se destinam a mensagens em massa ou automáticas, que sempre foram consideradas uma violação dos nossos Termos de Serviço.
Estamos comprometidos com o reforço da natureza privada da nossa plataforma e com manter os nossos utilizadores em segurança face a abusos. Recentemente detalhamos as capacidades na nossa plataforma e banimos contas neste livro branco. Estamos conscientes que algumas empresas tentam evadir os nossos sistemas de aprendizagem automática, apesar de trabalharmos incansavelmente para os melhorar. Utilizando as informações disponíveis na nossa plataforma no WhatsApp, identificámos e impedimos milhões de contas abusivas de utilizarem o nosso serviço.
Este é um desafio que requer uma abordagem holística e o WhatsApp está comprometido com a utilização dos recursos à sua disposição – incluindo ações legais – para prevenir abusos que violem os nossos Termos de Serviço, como mensagens automáticas ou em massa, ou uma utilização não pessoal. É por isso que, além da imposição tecnológica, também tomamos ações legais contra pessoas ou empresas que associamos a evidências de tais abusos na plataforma. O WhatsApp reserva-se o direito de continuar a tomar ações legais em tais circunstâncias.
Além disso, com início a 7 de dezembro de 2019, o WhatsApp irá tomar ações legais contra aqueles que determinar como envolvidos ou prestando assistência a outros em abusos que violem os nossos Termos de Serviço, como mensagens automáticas ou em massa, ou uma utilização não pessoal, mesmo se tal determinação estiver baseada em informações disponíveis apenas na nossa plataforma. Por exemplo, as informações fora da plataforma incluem reclamações públicas de empresas acerca da sua capacidade para utilizarem o WhatsApp de formas que violem os nossos Termos. Estas informações servem como aviso de que tomaremos ações legais em contra de empresas sobre as quais tenhamos apenas evidências fora da plataforma de abusos, se tal abuso continuar após 7 de dezembro de 2019, ou se essas empresas forem associadas a evidências na plataforma de abusos antes dessa data.
Nada neste anúncio limita o direito do WhatsApp de impor os respetivos Termos na utilização da tecnologia, como o banimento de contas baseado em classificadores de aprendizagem automática, e o WhatsApp continuará a fazê-lo.
Continuaremos a disponibilizar as capacidades para ajudar as empresas a comunicarem com os respetivos clientes. Para saber mais acerca destas capacidades, visite as páginas da aplicação WhatsApp Business e da plataforma do WhatsApp Business.
Isto foi útil?
Sim
Não